. Desorganização pessoal e profissional: fuja dessa armadilha! | Instituto Marcos Tito
  • Fortaleza: (85) 3108 8001

Desorganização pessoal e profissional: fuja dessa armadilha!

Em uma rotina que exige cada vez mais planejamento para darmos conta dos compromissos, a desorganização pessoal e profissional deve ser evitada ao máximo. Um dos motivos é que a falta de atenção com as atividades do dia a dia afeta o relacionamento com os familiares e os colegas de trabalho.

Não se lembrar do que deveria ser comprado no supermercado ou se esquecer de inserir dados importantes na apresentação de um projeto novo na empresa são exemplos de equívocos que podem ocorrer com pessoas que não valorizam a organização.

Neste post, abordaremos formas de evitar que a desorganização faça parte do seu cotidiano e a contribuição de um coach para você ter mais atenção com as tarefas importantes nos aspectos sociais e profissionais. Confira!

Fuja das distrações

Imagine que você está estudando para um concurso público que vai proporcionar uma estabilidade financeira e mais qualidade de vida. Sem dúvida, é necessário ter uma ótima preparação para atingir o resultado esperado.

Porém, você opta por assistir a um jogo de futebol no horário em que deveria estudar. Ou seja, está perdendo o foco no que realmente é válido no momento. Essa postura mostra uma falta de organização e de compromisso consigo mesmo.

Em casa, um parente está conversando com você sobre a programação do final de semana, mas a sua atenção está voltada para as mensagens do WhatsApp. Essa situação gera um desconforto e mostra um desinteresse pelo familiar.

São casos que provam como a desorganização pessoal e profissional não levará você a lugar nenhum. Pelo contrário, impedirá o seu crescimento. Portanto, fuja das distrações!

Defina uma rotina

Se você quer deixar tudo organizado no seu dia a dia, uma ação inteligente é estabelecer uma rotina. A recomendação é estipular os horários para você exercer as atividades mais relevantes, tanto em casa quanto no trabalho.

Procure fazer uma agenda semanal do que precisa ser feito, destacando as prioridades de cada dia. Esse comportamento ajuda a combater a desorganização pessoal e profissional de maneira eficiente.

Sempre busque exercer o autoconhecimento, reconhecendo as suas potencialidades e limitações. Assim, será mais simples definir as ações que você pode executar com tranquilidade.  

Estabeleça prioridades

É muito bom evitar distrações e criar uma rotina, não é mesmo? Por outro lado, essas ações apenas serão positivas para você caso estabeleça o que é mais importante para fazer em um período (dia, mês, ano etc.).

Para manter o foco, é indispensável ter metas de curto, médio e longo prazo. Isso vai te dar ânimo para seguir em frente e ser uma pessoa mais organizada.

Imagine que você pretende melhorar a fluência em inglês até o final ano, por exemplo. Nesse caso, você adotará mecanismos importantes para concretizar esse objetivo. Com disciplina e planejamento, qualquer pessoa é capaz de evoluir e de buscar a melhoria contínua.

Faça uma lista de tarefas

Você acorda e vai logo tomar café. É uma ação comum que faz parte da nossa rotina. Mas, e depois disso, o que fazer? Se você é daqueles que depois da primeira refeição fica tentando lembrar as atividades a serem feitas, está com um problema a ser resolvido: a desorganização pessoal e profissional.

Antes de dormir, visualize, por exemplo, o que deve ser feito na parte da manhã (academia, relatório sobre o desempenho do setor da empresa, entre outras ações). Tenha esse mesmo procedimento com os períodos da tarde e da noite.

Se você vai ao supermercado, é bom ter uma lista do que deve ser comprado. Procure sempre registrar o que deve ser feito. Hoje, há diversos aplicativos (Evernote, Google Keep, etc.) que podem ajudá-lo a fazer isso.

É bom não confiar demais na memória. Lembre-se do velho ditado popular: prevenir é melhor do que remediar.

Procure guardar os objetos e informações em locais fixos

Quantas vezes você já perdeu um bom tempo procurando o celular ou a carteira? Com certeza, você já passou por isso muitas vezes. Para evitar ter esse problema, escolha um local fixo para deixar os seus pertences.

No ambiente de trabalho, é muito chato também ficar muito tempo procurando um arquivo com dados relevantes sobre a sua empresa. Nesse caso, é interessante criar pastas com assuntos que tenham relação com cada iniciativa feita por você na empresa.

Deixar os arquivos espelhados na área de trabalho do computador, por exemplo, é sinal de desleixo e de dificuldade de organizar o serviço. Se você quer construir uma boa imagem na companhia, deve rever essa postura o mais rápido possível.

Tenha humildade para delegar

Ninguém é capaz de fazer tudo sozinho. Essa premissa vale tanto para o campo pessoal quanto para a carreira. Assumir mais responsabilidades do que pode dar conta está longe de ser uma iniciativa inteligente.

Pelo contrário, mostra dificuldade de se comunicar com as pessoas e falta de humildade para reconhecer os próprios limites. Na medida do possível, delegue as tarefas para os seus familiares e colegas de trabalho, analisando o que cada um pode fazer.

Respeitar a sua capacidade e do outro de resolver as demandas indica que você busca uma boa convivência com as pessoas ao seu redor, o que é ótimo para tornar a rotina mais leve.  

Saiba como um coach pode ajudar a vencer a desorganização pessoal e profissional

Se você percebe que falta organização para cumprir as demandas do dia a dia, é válido procurar a ajuda em um processo de coaching. Essa metodologia de desenvolvimento ajudará você na identificação dos seus pontos fortes e fracos.

O coach (profissional especializado em coaching) vai ajudar você a explorar os seus pontos fortes para que você crie capacidade de tornar a sua vida mais organizada. Com força de vontade e determinação, os ensinamentos desse profissional serão úteis a curto, médio e longo prazo.

O ideal é procurar um coach com experiência no mercado. Um bom exemplo é o Marcos Tito, responsável por mais de 200 processos individuais de coaching e mais de 50 grupos de Team Coaching. Ele também já formou e certificou mais 400 coaches, além de ter treinado mais 4.000 pessoas em seminários, palestras e treinamentos.

Agora, você já sabe que a desorganização pessoal e profissional pode ser combatida de maneira eficiente. Isso, sem dúvida, é um motivo para estar mais confiante em alcançar um desempenho mais significativo.  

Se você deseja ser uma pessoa melhor e ter uma carreira de sucesso, não perca tempo e entre em contato conosco. Queremos ajudar você a superar os próprios limites!